Pitch: para falar bem, é preciso ouvir bem
junho 5, 2019

Como trabalhar como coaching

Muitas pessoas não sabem como dar o primeiro passo para atingir suas principais metas e objetivos e acabam desistindo ou deixando os sonhos em segundo plano. Foi pensando nesse sentido que surgiu a profissão de coach. Coach em inglês significa instrutor ou treinador, e é basicamente dessa forma que os profissionais atuam. O Coaching é um processo de desenvolvimento de competências e habilidades com o objetivo principal de acelerar resultados.

O processo de coaching é como um aconselhamento nas decisões, carreiras e relacionamentos do coachee (como é chamado o cliente do coach). A principal ideia é deixar a condição atual e buscar a condição desejada. Nas sessões, o coachee é estimulado a analisar seus pontos fortes e pontos fracos em cada situação, fazendo realmente um processo de autoconhecimento, podendo assim usufruir do seu potencial máximo, alcançando melhores resultados e de forma mais rápida.

O que é preciso para ser um coach?

Basicamente qualquer pessoa pode ser tornar um coach. Existem profissionais com diversas formações como psicólogos, advogados, professores, nutricionistas, engenheiros, etc. atuando como coaching. Entretanto, antes de exercer a função, o profissional deve realizar um curso de formação em coaching completo em uma instituição reconhecida pelas organizações mundiais de Coaching, embora não seja uma exigência do mercado.

Para se tornar um bom profissional nesta área, o ideal é que a pessoa goste de lidar com pessoas e tenha vontade de ajudá-las, pois essa será a atividade principal. Buscar sempre por crescimento pessoal é considerado essencial também.

 

Quais os tipos de coach?

Depois de formado, o coach pode atuar em diversas áreas dentro do coaching. São inúmeros focos que auxiliam os clientes em diferentes aspectos da vida. Existe o Coach Pessoal (ou Life Coach) que auxilia nos problemas e metas pessoais; o Coach de Carreira (ou Professional Coach) que ajuda profissionais em diversos momentos da carreira; o Coach de Negócios (ou Business Coach) que orienta empresários e/ou empreendedores; o Coach Financeiro que indica as melhores formas de lidar com o seu dinheiro; o Coach de Emagrecimento que aconselha e acompanha pessoas que querem perder peso; entre muitos outros.

É possível escolher a área de atuação com base na sua formação inicial ou então a que mais lhe agrada.

 

Como está o mercado de trabalho?

Essa profissão tem ganhado cada vez mais espaço e mais visibilidade. De acordo com dados da Internacional Coach Federation (ICF), nos últimos quatro anos foi registrado um crescimento de mais de 300% da atividade de coaching no Brasil e uma movimentação de cerca de R$ 50 milhões.

De acordo com um estudo da Florida Christian University, o coaching é considerado uma das profissões que mais cresce no mundo e a prova disso é a quantidade de profissionais que largaram suas formações para atuar como coach.

A profissão se tornou uma ótima opção para quem deseja flexibilidade de horários e valorização do trabalho. Um coach qualificado consegue uma renda mensal muito acima do mercado.

Um diferencial da profissão é quando o coach possui um local específico para o atendimento, um local aconchegante e de fácil acesso para os clientes. Uma ideia que ganhou força nos últimos anos foi a de coworking. Trabalhar em um ambiente compartilhado, descontraído e ao mesmo tempo profissional, fez com que muitas pessoas abandonassem o home office.

A maioria dos coworkings oferece salas particulares que são perfeitas para o atendimento de coaching e se tornaram uma ótima opção para esses profissionais!

A tendência é que esse mercado cresça cada vez mais e conquiste mais clientes, alavancando não só esse segmento, como também auxiliando no rendimento de outras empresas dos mais diversos perfis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *